22°

Capanema, PR

Tenha uma ótima sábado, 29/02/2020

Notícias

A Usina Hidrelétrica Baixo Iguaçu, realiza o monitoramento da fauna atropelada.

Quinta, 14 de Novembro, 2019

Você Sabia? 

 

Segundo dados do Centro Brasileiro de Estudos em Ecologia de Estradas - CBEE, mais de 15 animais morrem nas estradas brasileiras a cada segundo. Diariamente devem morrer mais de 1,3 milhões de animais e ao final de um ano mais de 475 milhões de animais silvestres são atropelados no Brasil (CBEE, 2013).

A Usina Hidrelétrica Baixo Iguaçu, no âmbito do Programa de Monitoramento da Fauna Atropelada, realiza o monitoramento no trecho da BR-163 entre os municípios de Capanema e Realeza, e no acesso principal até a usina. Até o momento, foram registrados 213 indivíduos atropelados da fauna silvestre. Essa perda pode causar danos significativos a uma população com poucos indivíduos e menor capacidade de dispersão. A morte de animais altera a biodiversidade do ambiente e ameaça a vida selvagem.

 

Ajude a evitar o atropelamento da fauna, adotando medidas de prevenção:

 

  • Respeite os limites de velocidade e as placas de sinalização nas vias;
  • Redobre a atenção ao trafegar nessas vias nos horários noturnos, é quando os animais são mais ativos;
  • Redobre a atenção ao avistar placas indicando que tem animais na pista;
  • Reduza a velocidade próximo às unidades de conservação, onde a presença de animais é frequente;
  • Faça a destinação correta de resíduos (não jogue lixo durante seu trajeto, isso evita que animais sejam atraídos para a margem);
  • Após passar por um animal na rodovia, alerte aos outros motoristas piscando os faróis.

Conhecer para preservar​

A Usina Hidrelétrica Baixo Iguaçu, realiza o monitoramento da fauna atropelada.​

Espécie de tartaruga do Baixo Iguaçu é monitorada por satélite ​

Programa de Educação Ambiental da UHE Baixo Iguaçu promove ação educativa em comemoração ao Dia da Árvore​

UHE Baixo Iguaçu realiza entrega de prêmios da 1ª Mostra de Educação Ambiental​